Para um número cada vez maior de usuários da Internet, as VPNs se tornaram uma parte importante do uso diário da Internet. Elas não apenas garantem uma conexão segura e privacidade on-line, mas também redirecionam todo o seu tráfego para o servidor remoto de sua escolha. Você tem duas opções para aproveitar esses serviços: extensões de navegador VPN ou aplicativos VPN. Neste artigo, explicaremos por que optar por um aplicativo de VPN é a melhor solução para proteção completa, em comparação com as extensões de VPN do navegador.

Os benefícios de uma VPN

Há alguns anos, poucas pessoas realmente sabiam que as VPNs existiam, mas desde o aumento do crime cibernético, dos escândalos das agências de vigilância e do bloqueio geográfico de muitos serviços de streaming, as VPNs se tornaram muito populares.

A utilidade de uma VPN reside no fato de que elas são ferramentas multifuncionais. Elas garantem a segurança on-line, desbloqueiam conteúdo com restrição geográfica, ajudam a não deixar rastros on-line, contornam a censura e as restrições e melhoram a privacidade on-line.
Mas nem todas as VPNs, em suas várias formas, oferecem o mesmo tipo de proteção.

Extensão de navegador VPN

Uma extensão de VPN para Chrome, Firefox ou Edge fornece criptografia avançada com um único clique. No entanto, é preciso lembrar que essa proteção se estende apenas à atividade do navegador. A VPN incorporada ao navegador Opera é muito limitada em suas funções e seu uso é mais uma questão de solução de problemas do que de segurança on-line real. Opte por uma VPN gratuita genuína em vez do Opera.

Esses plug-ins oferecem proteção para todo o tráfego que entra e sai do navegador. Se precisar proteger uma conexão para qualquer outro aplicativo instalado no seu dispositivo, você precisará de um aplicativo VPN nativo, independentemente de estar em um dispositivo móvel ou não.

As extensões de navegador de VPN geralmente consomem menos recursos do sistema do que os aplicativos de VPN. Se você tiver um computador ou dispositivo com recursos de hardware limitados, uma extensão de VPN poderá ajudá-lo a economizar espaço e poder de processamento.

Aplicativos VPN

Um cliente nativo oferece melhor proteção, pois criptografa todo o tráfego que entra e sai de um dispositivo conectado à Internet. Conforme mencionado acima, um plug-in/extensão criptografa somente o tráfego usado pelo navegador.
Se você usa uma rede virtual privada para jogos ou torrent, precisará de um cliente que proteja todo o seu hardware. Se quiser que uma VPN proteja um aplicativo para o seu dispositivo que não seja um navegador, você precisará de um cliente VPN.

Outra vantagem de usar o chamado cliente nativo é o nível de criptografia que ele oferece. As extensões de VPN para navegadores geralmente oferecem um nível de criptografia que não é tão alto quanto o oferecido por um aplicativo.

A questão da escolha em termos de protocolo também é limitada. O mesmo se aplica às muitas VPNs gratuitas oferecidas atualmente, portanto, escolha com cuidado. Muitas são simplesmente proxies que não oferecem uma conexão segura e desviam seus dados pessoais.

Recomendamos o uso de uma VPN para proteger sua conexão. Uma VPN confiável garante a segurança e o anonimato de sua navegação on-line.

Em conclusão

O uso de um aplicativo VPN em vez de uma extensão de navegador garante maior proteção, abrangendo todo o seu tráfego e não apenas o do navegador. Os aplicativos de VPN oferecem maior confiabilidade, compatibilidade com várias plataformas e gerenciamento simplificado das configurações.

Mateus Sousa da Silva
Mateus Sousa da Silva

Especialista em tecnologia e proteção de dados, com expertise em cibersegurança e jornalismo digital. Apaixonado por direitos digitais e privacidade online, oferece insights relevantes sobre as tendências tecnológicas atuais.